Espaço da Fé

Uma mensagem de fé e esperança para sua vida.

Parceiros

Responsive Ads Here

13 de outubro de 2018

Reto por Deus ou por religiosidade?

"No ano sétimo de Jeú começou a reinar Joás, e quarenta anos reinou em Jerusalém; e era o nome de sua mãe Zíbia, de Berseba. E fez Joás o que era reto aos olhos do Senhor todos os dias em que o sacerdote Joiada o dirigia. Tão-somente os altos não foram tirados; porque ainda o povo sacrificava e queimava incenso nos altos". 2 Reis 12:1-3

"Porém, depois da morte de Joiada vieram os príncipes de Judá e prostraram-se perante o rei; e o rei os ouviu. E deixaram a casa do Senhor Deus de seus pais, e serviram às imagens do bosque e aos ídolos. Então, por causa desta sua culpa, veio grande ira sobre Judá e Jerusalém". 2 Crônicas 24:17,18

"E o Espírito de Deus revestiu a Zacarias, filho do sacerdote Joiada, o qual se pôs em pé acima do povo, e lhes disse: Assim diz Deus: Por que transgredis os mandamentos do Senhor, de modo que não possais prosperar? Porque deixastes ao Senhor, também ele vos deixará. E eles conspiraram contra ele, e o apedrejaram por mandado do rei, no pátio da casa do Senhor. Assim o rei Joás não se lembrou da beneficência que Joiada, pai de Zacarias, lhe fizera; porém matou-lhe o filho, o qual, morrendo, disse: O Senhor o verá, e o requererá". 2 Crônicas 24:20-22

Quando me deparei com estes textos, comecei a refletir como a religião por si só leva pessoas ao engano, porém, não a verdadeira conversão. 

Joás foi um rei que "fez o que era reto", porém, só fez isso debaixo da supervisão de um sacerdote chamado Joiada. Ainda assim, estes atos de retidão não foram completos, porque os altares a outros deuses ainda estavam edificados.

Cheguei a conclusão de que estes atos de retidão eram apenas religiosos e não efetivamente atos de fé. Eram atos que serviam para aparentar uma santidade e não uma verdadeira comunhão com o Eterno. 

Joás realizou sim reformas religiosas, porém, ao contrário de Ezequias (2 Reis 18:1), suas reformas foram tão somente para o exterior, para o palpável e não espirituais. 

A máscara de Joás caiu e após a morte do sacerdote que o dirigia, outras pessoas más intencionadas o conduziu a se inclinar de vez aos ídolos e abandonar a adoração a Deus. Resultado: Aquele empenho no início do reinado para erguer o templo foi abandonado e todas as suas atenções foram direcionadas aos ídolos. Como se não bastasse, ao ser repreendido pelo profeta que era filho do sacerdote que o dirigia, se levantou contra ele e o matou o que trouxe destruição ao seu reinado.

O que vemos hoje são pessoas comprometidas com o evangelho, com Cristo, com Deus ou simplesmente comprometidas com seus líderes religiosos? Estão comprometidas em adorar a Deus ou mostrar aparência de quem adora? Querem de fato servir a Deus ou simplesmente aparentar preocupação em adoração nos seus templos, quando na verdade o coração está cheio de imundície?

A verdade é que cedo ou tarde será revelado o tipo de obra que tais pessoas estão praticando, se verdadeiras ou falsas, se pra glorificar ao Pai ou se para se promoverem, se de coração ou para corresponder aos líderes religiosos:

"Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus. Segundo a graça de Deus que me foi dada, pus eu, como sábio arquiteto, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele. Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo. E, se alguém sobre este fundamento formar um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, A obra de cada um se manifestará; na verdade o dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um." 1 Coríntios 3:9-13



2 comentários:

As Riqυєzαs Insondáveis de Cristo disse...

Que bom que você voltou a postar como antes,Jesusmar.Isso alegra muito meu coração.Estou feliz com vc e acredito que o Senhor também está.
DEUS é fiel!

Jesusmar Sousa disse...

Obrigado. Deus abençoe grandiosamente.