23 de janeiro de 2018

O verdadeiro motivo de alegria

Jesus designa setenta discípulos para curarem enfermos, expulsarem demônios e pregar o evangelho por toda a Galileia (Lucas 10:1-12). Não obstante, os mesmos voltam felizes da por terem presenciado sinais e maravilhas. Dentre os sinais que os deixaram felizes, a submissão dos demônios. 

Diante de toda euforia, Jesus adverte aos mesmos quanto ao que deve ser o verdadeiro motivo da exultação: 

"E voltaram os setenta com alegria, dizendo: Senhor, pelo teu nome, até os demônios se nos sujeitam. E disse-lhes: Eu via Satanás, como raio, cair do céu. Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum. Mas, não vos alegreis porque se vos sujeitem os espíritos; alegrai-vos antes por estarem os vossos nomes escritos nos céus." Lucas 10:17-20

Assim nos dias de hoje muitos de nós nos alegramos com os sinais e maravilhas que Deus tem feito em nossas vidas ou na vida dos outros por intermédio de nós. Temos que lembrar, entretanto, que o verdadeiro motivo da nossa alegria deve consistir em termos o nosso nome escrito no livro dos céus ou no livro da vida e não necessariamente ou unicamente no fato de vermos os sinais acontecerem.

About Author

Jesusmar Sousa
Jesusmar Sousa

Autor & Editor

Cristão de fé, buscando na Palavra de Deus respostas para vida.

0 comentários: