18 de dezembro de 2013

O sacerdote e o povo


"Todavia ninguém contenda, ninguém repreenda, porque o teu povo é como os que contendem com o sacerdote. Por isso tropeçarás de dia, e o profeta contigo tropeçará de noite; e destruirei a tua mãe. O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos." Oséias4:4-6

"Por isso, como é o povo, assim será o sacerdote; e castigá-lo-ei segundo os seus caminhos, e dar-lhe-ei a recompensa das suas obras." Oséias 4:9



Em todo o antigo testamento, principalmente nos livros dos profetas, vemos o Criador tendo problemas seríssimos com sacerdotes e profetas.

Estabelecido na lei de Moisés, a função do sacerdote era basicamente instruir o povo com respeito as leis divina, além de oferecer sacrifícios diante do Criador para o perdão de pecados. Quando o sacerdote era omisso, como acompanhamos no trecho bíblico citado no início da postagem, o povo padecia, pois o conhecimento era abandonado e em consequência disso a nação toda começava a fazer coisas abomináveis aos olhos do Todo Poderoso.

Após o sacrifício do Salvador, a era sacerdotal se encerrou. Depois padecer pelos nossos pecados e estabelecer a Nova Aliança, Jesus tornou-se o único Mediador entre o Criador e o homem. O único Sacerdote, o Sumo Sacerdote.


Porque a lei constitui sumos sacerdotes a homens fracos, mas a palavra do juramento, que veio depois da lei, constitui ao Filho, perfeito para sempre. Hebreus 7:28


O sacerdócio exercido anteriormente era transitório, o novo sacerdócio exercido por Cristo é eterno. Além da condição eterna, é inegável que este Sumo Sacerdote sim, é perfeito, ao contrário dos homens que possuem uma natureza fraca.

Então como está a atual configuração entre o sacerdote e o povo? Essas e outras perguntas serão respondidas no trabalho que brevemente estarei lançando, cujo objetivo é fazer um paralelo entre a lei e a graça.


Aguardem...




Jesusmar Sousa Teixeira
E-mail: jesusmar@guardiaodafe.com



Clique no banner e saiba mais




Empregado Público Federal, adoro escrever e faço isso em três blogs de minha autoria e edição.

Comentários
0 Comentários